publicado em 31.03.2020 ÀS 17:26

Como promover a Educação Integral em sala de aula?

A sala de aula é um dos espaços onde as competências socioemocionais dos estudantes podem ser desenvolvidas. Ao longo da vida, crianças e jovens desenvolvem essas habilidades de diversas formas, mas é na sala de aula onde o professor tem a oportunidade de fazer um trabalho intencional voltado ao desenvolvimento dessas competências.

Portanto, a promoção da educação integral em sala de aula depende de uma implementação intencional, exigindo preparo do professor e um compromisso da escola para com a evolução da aprendizagem.

O professor é o responsável por abrir uma via de diálogo efetivo com os estudantes, respeitando a individualidade de cada um deles. É um trabalho que envolve presença pedagógica dos professores e também a sua escuta ativa, sempre atenta aos processos de desenvolvimento dos estudantes.

 

Como trabalhar com metodologias integradoras?

O uso de metodologias integradoras em sala de aula começa pelo professor, que deve estar aberto a atuar como um mediador do conhecimento em sala de aula. Seu papel neste caso pode consistir em criar condições em que a aprendizagem ocorra de forma efetiva, ajudando os estudantes a se mobilizarem a favor do conhecimento.

Tanto o planejamento do conteúdo das aulas quanto o espaço da sala precisam ser considerados levando em conta os conteúdos escolares e o desenvolvimento socioemocional. A ideia é deixar claro para os estudantes os objetivos de cada atividade e a atuação esperada por parte deles.

Conheça a seguir alguns passos fundamentais para a implementação de metodologias integradoras e desenvolvimento de competências para o século 21:

  • Investimento do professor na gestão da aula para criar condições em que a aprendizagem ocorra de forma efetiva;

  • Professor atuando como mediador entre conhecimentos e os estudantes;

  • Planejamento das aulas promovendo o desenvolvimento socioemocional enquanto são cumpridos os objetivos de aprendizagem do currículo;

  • Organização do espaço da sala de aula para melhor traduzir as intenções educativas do planejamento;

  • Deixar claro para os estudantes quais são os objetivos de cada atividade e o que é esperado deles;

  • Manutenção da gestão do tempo de aula;

  • Estabelecer um diálogo aberto com os alunos;

  • Orientação do trabalho em times;

  • Realização de avaliação ao final de cada atividade;

  • Anotações com pontos de atenção relacionados à melhoria das atividades e da aprendizagem para serem utilizadas nas próximas implementações.

 

O trabalho com as metodologias integradoras possibilita orientar as práticas de ensino do professor para que ele faça uma abordagem colaborativa e compromissada com a educação integral. É o caminho para desenvolver os estudantes de forma plena, dando ênfase às competências do século 21.