publicado em 1 de fevereiro de 2022

Desafios da Profissão Docente

Acreditamos que uma educação integral de qualidade só é possível com professores motivados e comprometidos e com gestores atentos ao desenvolvimento dos educadores! Por isso, a formação docente deve ser olhada de forma sistêmica, envolvendo diversos pontos da política pública.  Você teve algum professor marcante? Como você imagina que foi a formação dele?

Confira 5 destaques do livro Desafios da Profissão Docente, lançado pelo Instituto Ayrton Senna, Instituto Península e Fundação Santillana. Para saber mais, clique aqui para baixar!

 

1 – Como a profissão docente é vista hoje?

A docência é uma profissão complexa, construída por saberes, competências práticas e valores. Ela demanda desenvolvimento constante e ações de reconhecimento e aprimoramento devem ser pensadas desde a formação inicial até a chegada da aposentadoria.

 

2 – O que é ter uma visão sistêmica da carreira docente?

É olhar para os diversos aspectos que a profissão envolve, como a ligação entre a formação acadêmica e o dia a dia da sala de aula, o estágio nos primeiros anos de atuação e o plano de carreira

 

3 – Que ações podem promover esse trabalho sistêmico?

Melhorar a atração da carreira, gerando interesse nos jovens, promover uma formação inicial nas graduações e licenciaturas conectadas com a sala de aula e formações continuadas focadas nos desafios da profissão

 

4 – Que competências são importantes para o exercício da docência?

No Brasil, há 10 competências gerais que apresentam os saberes e as práticas, necessárias para a profissão, como desenvolver argumentos com base em fatos e dados, se conhecer, ser organizado, ter escuta ativa

 

5 – Qual a importância dos professores desenvolverem competências sociemocionais?

Os profissionais que conseguem identificar, reconhecer e regular suas emoções em diferentes momentos podem mobilizar suas competências socioemocionais para lidar melhor com situações adversas e ter mais satisfação no trabalho.