Novo Prêmio valoriza desenvolvimento socioemocional nas escolas do estado de SP

Instituto Ayrton Senna, Secretaria de Educação de SP e Boeing promovem Prêmio Inspiração e marcam início de ano letivo do Inova Educação.

Foi lançado, no dia 18 de fevereiro, o Prêmio Inspiração 2020, iniciativa da Secretaria de Educação do Estado de São Paulo em parceria com o Instituto Ayrton Senna e apoio da Boeing. A cerimônia de lançamento do prêmio também marcou o início do ano letivo do Inova Educação, programa da Secretaria que leva a toda a rede uma perspectiva de educação integral e o desenvolvimento de competências para o século 21. O evento contou com a presença de João Doria, governador de São Paulo, Viviane Senna, presidente do Instituto Ayrton Senna, e Marc Allen, vice-presidente da Boeing. Foram convidados cerca de 180 diretores regionais e professores coordenadores de núcleo pedagógico (PCNPs) de todo o estado, que também participaram de uma formação sobre o desenvolvimento de competências socioemocionais na escola.

Integrando o Movimento Inova 2020, que reúne estudantes e professores de toda a rede para troca de experiências e apresentação de projetos, o Prêmio Inspiração tem como objetivo reconhecer boas práticas pedagógicas de promoção do desenvolvimento intencional de competências socioemocionais. “O prêmio vai valorizar a experiência dos nossos educadores”, disse Haroldo Rocha, secretário-executivo de Educação do Estado. Todos os professores que atuam nos Anos Finais do Ensino Fundamental e no Ensino Médio, em qualquer disciplina, podem concorrer. Os docentes devem desenvolver oportunidades de aprendizagem que trabalhem com um duplo foco, ou seja, o desenvolvimento tanto cognitivo quanto socioemocional dos estudantes de forma integrada ao conteúdo curricular.

O Instituto Ayrton Senna vai atuar, juntamente à Secretaria, como banca avaliadora que selecionará as melhores experiências. Serão escolhidos cinco professores vencedores, que terão a oportunidade de participar de uma viagem aos Estados Unidos de caráter imersivo e formativo, com visitas a centros de inovação como a Universidade Politécnica da Flórida, a sede da Boeing em Miami e museus. “Essa viagem tem como objetivo não só dar a oportunidade aos professores de serem reconhecidos, mas também de passarem por uma experiência de imersão e inovação”, disse Viviane.

Momento de formação

Para apoiar os educadores na implementação de iniciativas com este foco e na futura indicação das práticas pedagógicas que concorrerão ao Prêmio Inspiração, diretores regionais e coordenadores de núcleo pedagógico participaram de um encontro formativo sobre o desenvolvimento de competências socioemocionais na escola liderada por Cynthia Sanches, líder de especialidade de design educacional do Instituto Ayrton Senna.

Contextualizando a iniciativa, Cynthia falou sobre a importância de criar um ambiente propício para o desenvolvimento pleno. “Para ser um ambiente adequado para a educação integral, a escola precisa ser um ambiente seguro, que aceite erros e incentive os alunos a desenvolver suas potencialidades”, disse a educadora. Partindo para um exercício mais prático, Cynthia falou sobre os 4 passos para poder desenvolver competências de forma transversal ao currículo: é preciso que esse ensino seja sequencial, ativo, focado e explícito.

Ao final, divididos em grupos, os educadores foram convidados a analisar casos de situações de aprendizagem que visavam desenvolver competências e avaliar se as iniciativas se enquadrariam como uma experiência apta a ser inscrita no Prêmio Inspiração.

Sobre o Inova

Visando garantir o desenvolvimento pleno dos estudantes paulistas desde o 6º ano do Ensino Fundamental até o 3º ano do Ensino Médio, a Secretaria de Educação do Estado de São Paulo vem desenhando desde 2019 o Inova Educação, uma proposta que traz mudanças estruturantes no currículo e proposta pedagógica das escolas estaduais, que serão expandidas para toda a rede a partir deste ano. O programa propõe inovações educacionais que buscam estar alinhadas às demandas do século 21.

O Instituto Ayrton Senna é um dos parceiros da Secretaria de Educação na construção do Inova Educação, oferecendo evidências sobre as competências socioemocionais como um dos pilares do conceito de educação integral, contribuindo para construção de metodologias, formação de professores e gestores, desenvolvimento de conteúdos e materiais de apoio para professores e alunos. “O conhecimento do Instituto, com base em ciência, está sendo disponibilizado para a rede de São Paulo”, disse Viviane Senna.

Entre as inovações na estrutura curricular e práticas pedagógicas do Inova educação estão a ampliação da jornada diária, inserção de componentes como Projeto de Vida, Eletivas e Tecnologia e um novo modelo de formação e desenvolvimento dos profissionais da rede. A iniciativa deve chegar a mais de 2 milhões de estudantes e 3.800 escolas ainda este ano.

O Inova Educação se inspira fortemente no protótipo Minha Escola, implementado no ano de 2019 em 24 escolas de Anos Finais do Ensino Fundamental da capital paulista com o apoio do Instituto Ayrton Senna. A iniciativa foi um convite ao desenvolvimento de um novo modelo de escola para os Anos Finais do Ensino Fundamental (do 6º ao 9º ano) que estivesse conectado a uma visão de adolescente, sendo o trabalho pedagógico desenvolvido a partir de premissas como o convívio, a autonomia, integração curricular e desenvolvimento pleno.

Segundo o coordenador da Coordenadoria Pedagógica da Secretaria de Educação, Caetano Siqueira, a experiência com o protótipo e o Instituto Ayrton Senna revelou a possibilidade de serem pensados novos modelos de educação integral para escolas de tempo parcial. “Ele foi o grande impulsionador para mostrar que é possível fazer inovação, protagonismo juvenil e ciência com os alunos na jornada regular de ensino; mostramos que os professores têm muita capacidade para construir projetos inovadores e transformar a vida dos alunos. O que estamos vivendo hoje no Movimento Inova é também inspirado pelo projeto que a gente fez de inovação e de piloto com as escolas em parceria com o Instituto Ayrton Senna”, disse.

Parceria com a Boeing

Parceira do Instituto Ayrton Senna desde 2012, a Boeing já apoiou diversas iniciativas de educação integral e desenvolvimento de competências para o século 21 da organização. Visando levar a educação do futuro para mais crianças, a Boeing ampliou o seu aporte ao Instituto em 2020, viabilizando iniciativas como o Inova Educação, Criatividade e Pensamento Crítico e Socioemocional de Educadores.

Em seu discurso no lançamento do Prêmio Inspiração, Marc Allen, vice- presidente da Boeing, reconheceu o papel do Instituto Ayrton Senna em levar a educação do século 21 para crianças de todo o estado de São Paulo. “A Boeing acredita que uma educação que olha hoje para jovens e crianças como os líderes de amanhã é o caminho para criar uma geração comprometida com o futuro do Brasil”, disse.