publicado em 06.05.2019 ÀS 15:57

Instituto Ayrton Senna participa de evento de lançamento de política de Educação Integral em São Paulo

O Instituto Ayrton Senna participou, nesta segunda-feira (6), de evento na Secretaria de Educação do Estado de São Paulo sobre o lançamento da política de Educação Integral da pasta. O evento contou com a participação do secretário de Educação, Rossieli Soares e o governador João Doria. Na ocasião, a Secretaria anunciou sua intenção de levar os preceitos de Educação Integral e desenvolvimento pleno a escolas de toda a rede, inclusive nas de tempo parcial.

Em sua fala, a presidente do Instituto, Viviane Senna, ressaltou a importância da Educação Integral para o desenvolvimento pleno de todos os estudantes e para envolver mais os adolescentes com sua própria formação.  Com essa perspectiva de educação, os estudantes são vistos em suas múltiplas dimensões, e passam a ter também oportunidade para desenvolver suas competências socioemocionais. “Essas competências não servem só para o futuro, mas também para o agora, e para ajudar o nosso país na tarefa de garantir o desenvolvimento pleno e as habilidades cognitivas ” afirmou Viviane, que também apresentou o papel de assessoria técnica que o Instituto Ayrton Senna está oferecendo à secretaria de Educação de São Paulo para o desenvolvimento e implementação de sua política de educação integral.

O atual desenho desse trabalho em conjunto entre o Instituto e o Estado de São Paulo tem como fonte um histórico de parceria que já transformou vidas de milhares de educadores e estudantes. A primeira iniciativa começou em 2003 com o programa SuperAção Jovem, que tinha como eixo o desenvolvimento pleno dos estudantes e o protagonismo juvenil. O projeto chegou a quase 2 mil escolas e 6 mil professores em mais de uma década de implementação. Desenvolvido até 2016, ao longo deste tempo o SuperAção Jovem promoveu atividades conjuntas com diversas iniciativas da rede estadual que partiam de uma perspectiva de Educação Integral, como a Escola da Família, a Escola em Tempo Integral e o programa Sala de Leitura. Ao buscar desenvolver os adolescentes plenamente, o SuperAção também promovia a formação de professores, para atuarem com metodologias integradoras, e a dos demais profissionais da rede, ressaltando aspectos da gestão.

Dando continuidade a essa cooperação iniciada com a Secretaria há mais de 15 anos, o Instituto Ayrton Senna desenvolveu ao longo do ano passado, em conjunto com os educadores da rede, um protótipo curricular específico para os Anos Finais do Ensino Fundamental em tempo parcial. O programa, que é financiado pela Fundação Volkswagen, tem como objetivo promover o desenvolvimento pleno do estudante por meio de metodologias ativas, integração curricular e a inserção de um componente especialmente dedicado ao Projeto de Vida.  A proposta visa oferecer as ferramentas para que os jovens sejam protagonistas da sua trajetória educacional e possam construir novos futuros. “Este é um importante passo que garante equidade de oportunidades e pleno desenvolvimento para os nossos alunos”, concluiu Viviane.

O programa de Educação Integral para os Anos Finais do Ensino Fundamental conta com o apoio da Fundação Volkswagen. O montante investido é uma contrapartida a recursos do BNDES direcionados à Volkswagen do Brasil.

Digite o assunto que deseja pesquisar

Comentar
Mensagem
Comentários