Digite o assunto que deseja pesquisar

INAF

A iniciativa

Todas as pessoas nascem com potencial, mas a transformação desse potencial em realizações individuais e coletivas depende das oportunidades educativas que recebem ao longo da vida e da capacidade de aproveitar essas oportunidades. Num país desigual como o Brasil, apenas uma minoria tem a oportunidade de desenvolver plenamente os aspectos cognitivos (como leitura e escrita) e socioemocionais (como perseverança e autoconfiança) importantes para conquistar a vida que desejam. Os resultados do INAF 2015 (Indicador Nacional de Alfabetismo Funcional) mostram uma fotografia dessa situação, mas também revelam que o desenvolvimento de competências socioemocionais pode ser uma poderosa via para combater essas desigualdades.

Como funciona

Com o objetivo de investigar o impacto das competências socioemocionais em diversas esferas da vida, esse estudo inédito investigou relação entre competências socioemocionais e realizações na vida adulta, como índice de alfabetismo, renda, escolaridade. Por meio de uma parceria entre Instituto Ayrton Senna, Instituto Paulo Montenegro e Ação Educativa, o Indicador Nacional de Alfabetismo Funcional de 2015 contou com informações inéditas sobre três competências socioemocionais: abertura para o novo (capacidade de estar aberto para novos caminhos), autogestão (capacidade de persistir, comprometer-se e se organizar) e autoconceito (crença e confiança em si mesmo). 

Resultados

As análises sugerem que as competências socioemocionais podem funcionar como um antídoto para a desigualdade social brasileira. A partir dos dados do INAF 2015, o economista Ricardo Paes de Barros demonstra que, apesar das dificuldades, existe uma porção da população brasileira de baixo nível socioeconômico que consegue obter altas realizações na vida (alto grau de alfabetização, escolaridade e remuneração). Ele conclui que o que diferencia essas pessoas daquelas que não conseguem realizar é o seu maior grau de abertura para o novo, de autogestão e autoconceito. 

Documentos

Mostrar mais informações
Comentar
Mensagem
Comentários